domingo, 30 de agosto de 2015

Glória Ib - Azulejos do segundo quarto do século XVIII - Igreja da Glória

OURO AZUL

No século XVIII, existia a expressão portuguesa "é como ouro para o azul". Sua origem vem da combinação de talhas de madeira dourada com painéis de azulejos azuis nas igrejas joaninas. Sinônimo de algo realmente muito bom, a expressão define bem a qualidade do conjunto de azulejos da Igreja Nossa Senhora da Glória do Outeiro, no município do Rio


terça-feira, 7 de julho de 2015

Cascadura I - Colégio Arte e Instrução



Colégio Arte e Instrução, na avenida Ernani Cardoso, fundada em 1903 pelo educador, vereador e deputado federal Ernani Cardoso, nunca entrou para o rol de imóveis tombados e/ou protegidos como patrimônio do Rio.


sexta-feira, 26 de junho de 2015

rua do Hospício x beco do Fisco


atuais rua Buenos Aires x praça Olavo Bilac (Mercado das Flores)
fonte:  livro "O Rio de Janeiro de Lima Barreto", a partir do grupo RIO ANTIGO (facebook), digitalizada por Luiz Anciães

sábado, 28 de março de 2015

segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

Catumbi VI - rua do Catumbi - DESTRUÍDO


fonte: grupo RIO COMPRIDO E CATUMBI: beirais, platibandas e frontões
foto do acervo particular de Olinio Coelho.

Como bem me chamou a atenção o nosso já conhecido e quase co-autor deste blog Raul Félix, estes imóveis, em particular o da esquina, são a sequência dos que vimos em uma postagem anterior sobre a rua Pedro Mascarenhas, embora os azulejos aqui sejam diferentes dos que vemos naquelas casas.